Literatura, diversidade e música eletrônica encerram a programação da Itajaí Criativa – residência artística de 2016

Festa cultural inédita “Noite Morangos Mofados” traz textos do pernambucano Marcelino Freire, Téspis Cia. de Teatro e participação especial da artista Hedra Rockenbach, em Itajaí/SC

Normalmente, um grupo de teatro faz a montagem da peça numa sala de ensaio, local restrito aos artistas. Após muitos ensaios, chega a tão esperada estreia e contato com o público. Mas, atualmente alguns grupos têm experimentado outras formas de construir um espetáculo, e uma delas se chama “abertura do processo”, para que o público acompanhe os bastidores de uma montagem teatral.

A partir dessa proposta, a Téspis Cia. de Teatro (Itajaí/SC) juntou o livro de contos “Amar é Crime”, do pernambucano Marcelino Freire com a artista Hedra Rochenbach (Cena11 – Florianópolis/SC), para compor esta edição da Noite Morangos Mofados. Uma noite de muita diversidade, literatura, teatro e música eletrônica para compartilhar com os espectadores, algumas ideias que normalmente ficariam somente na fase de ensaios e nunca seriam compartilhadas com o público. A festa cultural será dia 11 de dezembro (domingo), na Itajaí Criativa – residência artística, a partir das 20h. Os ingressos são limitados e custam apenas R$15 para quem comprar antecipado na Livraria Casa Aberta.

logo-morangos-mofadosNoite Morangos Mofados” é livremente inspirada em uma das obras literárias mais conhecidas de Caio Fernando de Abreu e o projeto pretende ser libertário, assim como o livro. Trazer a diversidade e os temas da cultura LGBT por meio da arte e seus personagens. “O clima será de festa, vamos fazer um bota fora para esse ano tão turbulento e ‘intenso’, com muita música e humor, para encerrar nossa programação de 2016”, acrescenta Max Reinert, um dos organizadores da Itajaí Criativa.

SOBRE “AMAR É CRIME”

Amor e morte. Começo e fim. Sexo e paixão. Eis os temas do livro de contos do escritor pernambucano Marcelino Freire. A obra é uma reunião de ‘pequenos romances’, contos que mais parecem ‘cantos’, numa espécie de mistura sonora entre ficção e repente.

Em Amar é Crime, o amor torna-se criminoso por ser a manifestação de desejo reprimido, marginalizado, embrutecido. Um amor que, cansado do cativeiro, busca formas agressivas ou não convencionais de se manifestar. Formas de amar que dariam e dão muitos estudos de casos antropológicos. Os personagens são sempre surpreendentes e normalmente nos oferecem finais ou escolhas inesperadas.

SERVIÇO
O quê: Noite Morangos Mofados com participação de Hedra Rockenbach + Téspis Cia. de Teatro e textos do pernambucano Marcelino Freire
Quando: 11 de dezembro (domingo), 20h
Onde: Itajaí Criativa – Residência Artística (Rua Dr. Pedro Ferreira, 222 – Centro)
Quanto: R$ 15,00 (meia-entrada para compra antecipada, estudantes e maiores de 60 anos) e R$ 30,00 (inteira)

* Ingressos antecipados na Livraria Casa Aberta (Rua Lauro Muller, 83 – Centro, Itajaí).

 

Mais Informações:

Site: www.itajaicriativa.com.br/

Produção: Denise da Luz 47 9990-1516 | Max Reinert 48 9948-3578

Assessoria de Imprensa: Camila Gonçalves (47)9654-9105

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *