Vai ter Cabeça de Papel no Psicodália 2017!

O espetáculo teatral “Cabeça de Papel”, criado pela Téspis Cia. de Teatro e atualmente encenado pela Cia. ETC i Tal, é uma das atrações do festival Psicodália deste ano!

O Psicodália é um festival multicultural independente, que abre espaço para diversos cenários artísticos e culturais. Sua principal presença é na música (rock’n’roll, rock progressivo, psicodélico, rural e também estilos como o jazz, blues, mpb, soul, reggae e músicas regionais), mas também abarca a realização de espetáculos teatrais, vivências, oficinas e performances.

Atualmente, é realizado na cidade de Rio Negrinho – SC, e desde 2006, ocorre anualmente no Carnaval, tornando-se uma alternativa para quem deseja um programa diferente para esse período. Já passaram pelos seus palcos: Tom Zé, Baby do Brasil, Mutantes, Sá e Guarabyra, Alceu Valença, Moraes Moreira, Hermeto Pascoal, Gong, Casa das Máquinas, Som Nosso de Cada Dia, Ave Sangria, Paulinho Boca, Almir Sater, Yamandu Costa, Made in Brazil, Di Melo, Blues Etílicos, Terreno Baldio, A Bolha, Módulo 1000, Pedra Branca e muitos outros.

O festival tem como uma das ideologias a conscientização ecológica e trabalha com um programa de gerenciamento de resíduos. Como uma das alternativas para reduzir a produção de lixo, é oferecido aos participantes copos reutilizáveis, onde é possível servir bebidas com refil. Além disso, o lixo é reciclado e há diversas lixeiras bem posicionadas e sinalizadas. O público presente possui consciência em relação à boa convivência em sociedade e também há uma preocupação mútua com a natureza, e por isso o festival é conhecido por sua sustentabilidade.

foto by Max Reinert

Dentro da programação de 2017, estaremos apresentando o espetáculo Cabeça de Papel .

Neste trabalho utiliza-se do teatro de formas animadas, tendo como tema e linguagem a reutilização criativa de materiais recicláveis. Desta forma, todos os elementos utilizados em cena, como os bonecos, cenários, adereços e figurinos, são confeccionados com sucata. Inspirado também na cultura das ruas, como o grafite e o hip hop, chama atenção para o respeito às diferenças, sobretudo das classes marginalizadas por não enquadrar-se no sistema de consumo vigente.

Cabeça de Papel, o personagem central desta história, inicialmente é alguém que vive num lixão e se alimenta do que as pessoas jogam fora. Aos poucos vai aprendendo a transformar objetos e todo tipo de lixo que encontra em outras formas, que servem como ferramenta para que ele próprio se transforme. E aos poucos o entorno vai ganhando cores, luzes, sons e um novo mundo vai aparecendo.

O espetáculo foi patrocinado pelo Edital SocioAmbiental – Comunidades 2014, da Petrobrás S.A., o que proporcionou a possibilidade de realizar 84 apresentações em escolas publicas de ensino fundamental em Itajaí. Em janeiro de 2017, Cabeça de Papel foi o representante brasileiro no maior festival latino americano de teatro popular (31º ENTEPOLA) em Santiago no Chile.

2 comentários sobre “Vai ter Cabeça de Papel no Psicodália 2017!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *